terça-feira, 16 de outubro de 2012

Quantas vezes?

E quantas vezes você morreu esperando que o socorro viesse da única pessoa que você julgou amar você de verdade? E quantas vezes você morreu esperando que alguém amasse você? E quantas vezes você morreu porque errou seu julgamento e a pessoa que te amava era outra? E quantas vezes você quis morrer, mas não pode, porque se prendeu a alguém? Quantas vezes? Quantas vezes você esperou que te amassem? Quantas vezes deu o melhor de si e ninguém percebeu? Quantas vezes quis dizer pro mundo que estava tudo errado e teve medo? Quantas vezes quis mostrar o que você realmente é mas, o mundo rejeitou você e então você resolveu ser como todo mundo? Quantas vezes você foi mal com alguém porque estava mal? Agora me conta, Quantas vezes? Quantas vezes você morreu por alguém que depois demonstrou que não merecia seu sacrifício? Conte-me mais, Quantas vezes? Quantas vezes você morreu por saber o que dizer e não ter dito? Você morreu? Quantas vezes você morreu? Eu morro todos os dias, desejo morrer todos os dias, e me mato todos os dias. Eu morri mais vezes do que você pode imaginar. E você? Quantas vezes? Quantas vezes você morreu?

Liik

Nenhum comentário:

Postar um comentário